Transparência

Muitas vezes somos confrontados com o dilema de ser transparente, ser opaco, para não falar na discricionariedade, conforme a conveniência.

A conveniência sempre se sobrepôs aos princípios e à ética, mas hoje essa situação é mais marcada pelo facto de a velocidade de obtenção da informação ser exponencial. Somos, assim, paradoxalmente confrontados com falta de transparência e ética, pois apesar do aumento da “transparência” dos órgãos de comunicação social e do surgimento das redes sociais, informação e desinformação misturam-se, nestes meios, num cocktail intragável.

Leia o artigo completo na Indústria e Ambiente n.º 99 de julho/agosto de 2016

Carlos Pedro Ferreira

Autor da coluna Nortada / Diretor geral do Grupo Sondar.i

Se quiser colocar alguma questão, envie-me um email para carlospedro@sondar.net

Newsletter Indústria e Ambiente

Receba quinzenalmente, de forma gratuita, todas as novidades e eventos sobre Engenharia e Gestão do Ambiente.


Ao subscrever a newsletter noticiosa, está também a aceitar receber um máximo de 6 newsletters publicitárias por ano. Esta é a forma de financiarmos este serviço.